way2themes

Um caminho aos vereadores de São Lourenço da Mata - Síndrome do Chapolin:

Por: | 11:45 Deixe um comentário
Não, não é a clássica: Quem poderá nos ajudar?

A personagem do falecido Roberto Bolaños, quando ouvia a sugestão de alguém para resolver um problema, ele dizia: "Eu diria mais, o que acham de...", e repetia exatamente a sugestão que lhe havia sido dada minutos antes, como se fossem dele. 

Discursos, documentos, requerimentos, elaborações faladas ou escritas, conversas com os correligionários, entrevistas, manifestações em público, rádio, etc. Essas formas de interagir com a população são certas e válidas.

A sugestão aqui no post é que sejam fruto de ideias originadas do próprio edil, não uma cópia de alguém, pois o vereador é detentor do mandato, a ele pertence enquanto exerce a função e precisa apresentar aquilo que deve ser dele para a população, não o que outros dizem e ele "acha bonito".


0 comentários:

Postar um comentário