way2themes

Medo da "moléstia dos cachorros"! Ou, os EUA não podem parar sua decadência:

Por: | 09:46 Deixe um comentário
Expressão regional que indica desespero, medo extremado, temor potencializado.

Assisti ontem em canal fechado de notícias ao apagão no jogo entre a seleção brasileira e a venezuelana e a única informação foi a falta de energia, não o coro: Fora Maduro! (li isso em uma revista no mesmo dia) - enquanto o escuro prevalecia (porque no claro seriam presos).
O que isso tem a ver com os EUA? A operação abafa da grande imprensa não só de lá, mas daqui.

Obama retirou mais de duzentos comandantes militares dos seus postos, proibiu o FBI de divulgar e monitorar casos sobre terrorismo praticado por pessoas diretamente ligadas a mesquitas, reduziu a proteção contra ataques eletrônicos externos e outras atitudes mais do que suspeitas, tem pintado o rival de sua candidata de todas as cores feias possíveis. O quê isso tem a ver com a eleição americana? Enfraquecimento planejado do país travestido de medidas "humanas" aos grupos de interesse dentro da pátria.

Se você estiver fora da esfera esquerdista faça um teste diário: quantas menções positivas você encontrará sobre o candidato Donald Trump na grande mídia? Com bastante sorte, uma, mas contrabalançada por algo negativo. E sobre a Hillary Clinton? Muitas e as negativas contrabalançadas por algo positivo. Desonestidade intelectual e desserviço à informação. 

Recentemente, um áudio antigo do candidato republicano, falando sobre aventuras "amorosas" chocou muita gente, porém a divulgação de notícias sobre o massacre na embaixada em Benghazi, quando a Hillary era Secretária de Estado, os casos de mulheres assediadas por Bill Clinton, enquanto Hillary era advogada dele e ela achincalhou as vítimas, dos mais de trinta mil e-mails apagados comprometendo a segurança norteamericana...

Mas, espere! As pessoas não veem isso? Sim! Mas tem acreditado mais no que se diz do que no se vê. Qualquer semelhança lá e aqui nesse aspecto não é (infelizmente) coincidência.

“Você prefere acreditar em mim ou em seus próprios olhos?” Groucho Marx.


"Até quando vocês continuarão com esta palhaçada infante de julgar as coisas pelo que gosta ou não? Dane-se quem você gosta! Quem está desarmando os EUA, retirando as armas dos cidadãos e desativando as bases anti-mísseis de bombas eletromagnéticas NÃO é Donald Trump. Quem está querendo uma guerra perdida contra a Rússia NÃO é Donald Trump. Agora, cresça e pare de gritar como uma criança mimada enquanto há tempo, idiota!"

Allan dos Santos

0 comentários:

Postar um comentário