way2themes

"Acordão para anistiar caixa dois é o verdadeiro golpe":

Por: | 10:55 Deixe um comentário
Pânico com delação da Odebrecht acelera manobra na Câmara dos Deputados
Maia
– Rodrigo Maia e líderes partidários buscam aprovação da anistia ao caixa 2 nesta quarta-feira. É o acordão para livrar a cara dos criminosos. É golpe.
– Se anistia do caixa 2 for aprovada, o mandato-tampão de Rodrigo Maia ficará marcado como o mandato que tampou a Lava Jato. “Parabéns”.
– PT faz o velho jogo duplo: quer anistiar caixa 2 e colocar a culpa exclusivamente em Michel Temer. PT sempre consegue ser ainda pior que os piores.
– PT banalizou tanto a palavra golpe que, quando o Congresso promove um golpe de fato para anistiar os delatados, o povo já não dá a mínima.
– Em favor do povo, registro que TVs não o informam sobre golpe da anistia com devida explicação sobre gravidade do episódio. Resta a internet.
– “Não sofrerão punição aqueles que receberam doação contabilizada ou não”, “declarada à Justiça ou não”… No Brasil, os bandidos são criminosos “ou não”.
– Texto da anistia já circula na Câmara. Alguns deputados pedem que votação seja nominal e feita à luz do dia, não nesta madrugada. Seria o mínimo.
(* Transmissão ao vivo do debate na noite desta quarta: AQUI.)
(** Atualização de 23h: Comissão aprova por unanimidade relatório de Onyx Lorenzoni sobre as medidas contra a corrupção. Assista ao vídeo aqui no blog. O risco de anistia fica para a votação em plenário na quinta-feira. )
– Enquanto isso, Senado aprova PEC da Reforma Política. Aécio celebra “redução drástica no número de partidos”. PSDB e PT, unidos pela anistia, virarão um só?
– Senadores estão caladinhos sobre golpe em curso na Câmara dos Deputados. Onde estão os paladinos da ética? Estimulando o acordão nos bastidores? Siiiiiim!
– Corrupção é tema vago. Manifestação precisa de foco, de alvo que condense tudo que não se quer na política. Renan hoje é o alvo. Aproveitem.
– Executivos da Odebrecht assinam delações premiadas na PGR. Dá para entender a pressa dos parlamentares em deter a Lava Jato?
– Alô, Lava Jato: teremos vazamento da delação da Odebrecht para escancarar sujeira de parlamentares e mobilizar povo contra golpe da anistia? Ou Janot anularia tudo?
– Notícia de que delação da Odebrecht atinge principais presidenciáveis é sinal de que caminho pode se abrir para Jair Bolsonaro, doa a quem doer.
– Imagine um debate presidencial com o “coroné” Ciro Gomes, Ronaldo Caiado, Jair Bolsonaro e Roberto Justus. Vou começar a separar a pipoca.
Enquanto isso, em sessão irrelevante desta tarde…
– Eu sei que não é notícia, mas registro: Lindbergh está esperneando no Senado.
– Lindbergh esperneia por José Aníbal não conceder aparte no meio do raciocínio. Aníbal lhe diz: “O senhor é um provocador, não um senador.”
– José Aníbal diz que o caminho de Lindbergh está traçado. Eu captei a mensagem.
– Lindbergh chega ao cúmulo de evocar artigo 14 para responder por ter sido chamado de “provocador” ao interromper José Aníbal. Choro sem fim.
– Piada do dia: “Não é verdade que os governos de Lula e Dilma estouraram as contas públicas.” (Gleisi Hoffmann, ré na Lava Jato)
Enquanto isso, no Rio de Janeiro…
– Piloto diz que iate em nome de ex-assessor era usado por Sérgio Cabral. Aprendeu com Lula a ter “laranjas”?
– Diretora da H. Stern relata à PF o método na relação Cabral-joalherias que antecipei em 18 de novembro: ia à casa dele levar joias pagas com dinheiro vivo.
– Relembro minhas tuitadas a respeito (de outra joalheria…):
AB Cabral
– PM trocou tiros com bandidos que renderam taxista no Humaitá, no Rio. Um foi preso, outro fugiu; uma mulher foi atingida de raspão. 
Enquanto isso, na Clinton News Network brasileira…
– “Nikki Haley é a primeira não branca nomeada por Trump”… Isto é a Globonews impressionada com fatos que enterram sua própria narrativa copiada da CNN.
Felipe Moura Brasil

0 comentários:

Postar um comentário