way2themes

O "trick or treat" tupiniquim - A La Ursa:

Por: | 17:47 Deixe um comentário
"A La Ursa quer dinheiro, quem não dá é pirangueiro!" - A personagem deseja contribuição financeira e os que não cooperam são considerados sovinas, avarentos. 
Aqui, no Brasil, é no Carnaval e lá, nos "Estates", é em outubro. A conexão da frase em inglês "gostosuras ou travessuras" - tradução no título do post é comparativa ao escrito na primeira linha da publicação. Serão nossos travessos mais espertos?


A semelhança é a visita aos imóveis em busca de algum benefício sendo no estrangeiro, guloseimas e, em terra brasilis, finanças. Ainda iguais são os sustos ao avistar as figuras vestindo roupas pouco comuns, nas cores brancas ou pretas.


Trazida pelos imigrantes italianos, no século XIX, a tradição associou-se aos folguedos carnavalescos e mantem as coreografias amestradas, as vestimentas elaboradas em papel machê, estopa, veludo, pelúcia.


Domador, caçador, urso e músicos seguem freneticamente pelas ruas acompanhados por músicos tocando muitas vezes sanfona, triângulo, pandeiro, reco-reco, ganzá, tarol e surdo, podendo incluir cavaquinho, violão, banjo, clarinetes e trombones, dependendo da região e condição financeira.


O exemplo das fotos e vídeo é de um dos muitos grupos de São Lourenço da Mata, tradicionalíssimos na Capital Nacional do Pau Brasil, com décadas na iniciativa cultural.













0 comentários:

Postar um comentário